Warning: Creating default object from empty value in /home/teroca10/public_html/wp-includes/ms-load.php on line 138
Monarco

Monarco

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Monarco da Portela nasceu no Rio de Janeiro, em 1933, no bairro de Cavalcanti.

Aos 10 anos, mudou-se para Oswaldo Cruz, o berço da Portela. Desde então já vive de perto o samba carioca. Antes dos 20 anos de idade já havia sido convidado a integrar a Ala de Compositores da Portela e, tempos depois, tornou-se diretor de harmonia da escola.

Sua primeira produção solo aconteceu em 1976, com o lançamento do CD Monarco, que o revelou com compositor e intérprete. O Segundo álbum, Terreiro,  foi lançado em 1980 e, em 1995, o terceiro disco, A voz do samba, lhe rendeu reconhecimento internacional.

Hoje, quase aos 77 anos, beirando os 61 anos de vida de samba, compõe e comanda a Velha Guarda da Portela, entidade/conjunto musical idealizado por Paulinho da Viola em 1970, com a intenção de divulgar e manter viva a tradição dos sambas de Oswaldo Cruz, e figura entre os maiores sambistas da história, com músicas gravadas por grandes intérpretes brasileiros, tais como Clara Nunes, Maria Creuza, Beth Carvalho, Zeca Pagodinho e Paulinho da Viola.

“MEU ELO” – Como escrevo nos versos, este samba me acordou na madruga. Dor de cabeça, insônia, sintomas clássicos de que mais um samba está nascendo. Tenho, por comparação, uma boa noção do que são as tão conhecidas dores de parto de uma gestante. O alívio só ocorre quando se ajusta o último verso, no corte do cordão umbilical… O samba, grande professor, também me fez aumentar o respeito às mamães.